NEM OS MAIORES OU OS MAIS FORTES, MAS OS MAIS FIRMES.

Vivemos um tempo de extrema necessidade de firmeza espiritual. Talvez, esse é o momento de toda história em que mais o crente precisa de firmeza na sua fé e no relacionamento com Deus, porque o Dia do Senhor está chegando e o inimigo de Deus e das pessoas de Deus e de tudo de Deus está em desespero. Não há dúvida de que este é um tempo de violentíssima guerra espiritual e só sobreviverão quem for firme.
No reino espiritual, o mais importante não é ser o maior ou o mais forte, mas é ser o mais firme, porque ser o maior ou o mais forte nem sempre significa ser firme. No confronte entre Gideão [Israel] e os midianitas ficou claro que quem prevaleceu não foi o maior e o mais forte, mas foi o mais firme.
Nós não precisamos ser os maiores, os melhores ou os mais fortes, mas precisamos ser os mais firmes. Para isto, a nossa vida espiritual precisa está bem edificada, sobre a rocha que é Jesus, porque quando vierem os revezes e os ataques dos malignos midianitas modernos, esse fundamento chamado Jesus nos valerá e nos fará firmes e capazes, não só de suportar o mal, mas de vencê-lo.
Louvado seja Deus que em Cristo nos transforma de frágeis pecadores em firmes vencedores.
Quero convocar você que está no olho do furacão, no meio de uma terrível batalha, a firmar-se em Cristo, levantar a sua cabeça e tomar a decisão de parar de sofrer e sair para vencer.
Hoje é o dia que o Senhor me permitiu escrever isto para você que, mesmo achando-se o menor e o mais fraco, pode ser o mais firme e vencer como Davi venceu!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s